Telefones: +55 (011) 2528 1858    ||      WhatsApp +55 11 9 8543 3156    ||   contato@proozonio.eco     

Logo site novo.jpg

Piscinas

 

LIVRE DE PRODUTOS QUÍMICOS
O Ozônio pode substituir total ou parcialmente o cloro nas piscinas, dependendo do projeto. Ele é muitas vezes mais eficaz em eliminar bactérias e vírus que o cloro. O ozônio irá manter uma água muito limpa sem o uso dos muitos produtos químicos usados para desinfetar, ajustar o PH, ajustar a alcalinidade, etc. Em comparação com o cloro, o tratamento com Ozônio é virtualmente livre de manutenção.

SENSÍVEL REDUÇÃO DO CLORO E SEUS SUBPRODUTOS NOCIVOS
Imagine a sua piscina ou Spa com dosagem imperceptíveis de cloro. Imagine você entrando e usufruindo em seu Spa da água mais cristalina e borbulhante, sem cheiro de cloro irritando o seu nariz. Sua roupa de banho não é lentamente desintegrada pelo cloro na água. Imagine você e suas crianças nadando em uma piscina cheia com água cintilante. Usufrua todos os prazeres da piscina sem ficar com olhos vermelhos e cabelos duros. Os nadadores louros não ficam com os cabelos verdes. Sua pele fica limpa e sedosa, sem escamas ou a sensação de pele de tubarão.

OZÔNIO É A RAZÃO
O primeiro conceito para os proprietários de piscina deve ser a qualidade da água. O Ozônio é o mais forte oxidante comercialmente viável, somente o flúor é mais potente. O cloro é um oxidante fraco. O Ozônio mata microorganismos muito mais rápido e mata muitos mais tipos. O Ozônio hoje é usado no tratamento das principais piscinas de competição do mundo. É fato conhecido que os atletas nas Olimpíadas de L.A. se recusaram a nadar em piscinas tratadas com cloro.

Pode-se garantir praticamente nunca mais usar cloro. Em seu lugar poderia ser usada a bromina. Seu subproduto a bromida, combina com o Ozônio para formar novamente a bromina. A Bromina então reage com as algas e fungos como um desinfetante. Esta reação libera bromida como subproduto. O ciclo começa novamente. A bromida precisa somente ser reposta por aquela eliminada da piscina pelos banhistas quando saem molhados da água ou quando é feita má retrolavagem. A bromina não forma cloraminas e não é praticamente percebida na água.

Uma vantagem adicional é que não há subprodutos que causem mal. O Ozônio quebra liberando oxigênio. Por outro lado o cloro forma trihalometanos, os quais comprovadamente aumentam a incidência de câncer de fígado, vesícula e cólon. Outro subproduto do cloro em reação com a urina e o suor são as cloraminas, que causam a irritação de olhos e de pele, além de ser corrosiva.

O Ozônio foi usado em tratamento de água de piscina pela primeira vez na década de 1950. Desde então seu uso tem crescido mundialmente. Há mais de 30.000 piscinas na Europa que são tratadas com Ozônio. Estima-se que nos Estados Unidos atualmente cerca de 65% de suas piscinas sejam tratadas com Ozônio. Hoje os EUA são o maior mercado de piscinas do mundo com cerca de 3.000.000 de piscinas.

VANTAGENS DO OZÔNIO
É produzido no local, sem transporte ou armazenagem de produtos químicos; Mata todas as bactérias, vírus, fungos e algas; Previne a incrustação de carbonato de cálcio e remove as já existentes; O ozônio não usado se decompõe em oxigênio até o ponto de saturação na água e forma uma água cristalina e cintilante; Usado no tratamento de água, não causa descargas prejudiciais ao meio ambiente;
Não é afetado e nem afeta o pH da água; Causa aumento da floculação de matéria orgânica, aumentando a efetividade da filtração da piscina.